“LOL”, realizado por Lisa Azuelos, é um remake do filme francês lançado em 2008, precisamente com o mesmo título e a mesma realizadora. A história centra-se numa adolescente chamada Lola (interpretado por Miley Cyrus), “Lol” para os amigos, que ao iniciar um novo ano do ensino secundário se esforça para descobrir o equilíbrio entre família, escola, amigos e romance. Após terminar um relacionamento, Lola fica destroçada mas é surpreendida ao encontrar o seu melhor amigo Kyle, um aspirante músico de uma banda de rock, uma vez que vê nele um possível amor da sua vida. Enquanto procura a sua independência, auto-identidade e maioridade, Lola descobre que relacionamentos verdadeiros exigem esforço emocional e, não é algo fácil de manter, como no mundo das redes sociais.

Infelizmente, é difícil listar aspetos positivos de “LOL”. Nos EUA, limitaram a sua estreia e a própria Lionsgate admitiu ser uma nulidade de filme. É possível observar um filme recheado de vulgaridade juvenil, com os problemas típicos e, por vezes, irritantes da adolescência. Talvez este facto seja salientado por algumas más interpretações visíveis na longa-metragem.

Apesar de tudo, há sempre alguns minutos descontraídos e com uma simples piada , que afastam o espectador da desilusão proporcionada por “LOL”. Num conjunto variadíssimo de filmes para assistir, sem dúvida que “LOL” não será a melhor escolha para um bom apreciador de cinema, mas antes para público juvenil se divertir e aprender algo sobre o equilibro familiar. Um filme pobre, sem interesse cinematográfico.

Nota Pessoal: 3/10

LOL
M12| Comédia, Romance, Drama|EUA|97m, IMDB: 3,3/10 (15,903 votos)
Anúncios